S. António, S. João e S. Pedro, a ordem é esta… ou talvez não

Há canções envoltas em mistério. “Lucy in the sky with diamonds”, dos Beatles, por exemplo. Era apontada como sendo uma apologia do LSD. A banda disse que não, nem pensar, Lennon desmentiu, mas nunca esclareceu devidamente o potencial equívoco criado pelo título e as histórias estranhas cantadas por Lennon e McCartney no passeio pelo céu da Lucy. Também não tinham de o fazer.

Outra canção com quase tanto de mistério é a famosa melodia dos santos populares. Aquela que reza: “Santo António já se acabou / O São Pedro está-se a acabar / São João, São João / Dá cá um balão para eu brincar”.

Estão a ver o mistério? Que o Santo António já se acabou não há dúvida, agora o “São Pedro está-se a acabar” quando o senhor das chaves é apenas a 29 de Junho, uns bons seis dias depois de se festejar o seu homólogo do cordeiro é que não se percebe.

O São João até pode ser “bonito” como diz a canção, mas não percebe nada de calendários.

Anúncios
S. António, S. João e S. Pedro, a ordem é esta… ou talvez não