Uma história de olhares

10olharobama

Há alguns dias, a imagem que aqui colocamos tornou-se numa das mais vistas do mundo. Circulou por tudo o quanto é jornal, revista e blogues. Foi alvo de milhares de notícias e posts, de comentários e demais considerações.

O click foi feito por Jason Reed, da Reuters, na cimeira do G8, em Itália. O fotografo nem percebeu que tinha acabado de disparar uma das imagens do ano. Foi o editor que, mais tarde, chamou a atenção para o potencial da imagem, como contou Reed ao jornal brasileiro Zero Hora. Um potencial que se confirmou.

Supostamente, Obama está a apreciar o traseiro da jovem brasileira, de 17 anos, Mayara Tavares, uma das representantes do Brasil na J8 (Cúpula Júnior 8), que reuniu 56 adolescentes, com o objetivo de dar visibilidade a sua opinião sobre as questões discutidas pelos chefes de Estado.

Supostamente. Depois da publicação o passatempo passou por estudar ângulos, trajectórias de olhares e afins. A ABC ficou contente por desvendar o mistério e concluiu que Obama não estava a olhar para o rabo da jovem senhora mas sim a preparar o terreno para outra senhora descer o degrau.

Por mim, o principal aspecto a sublinhar nesta imagem não é o destino do olhar de Obama. O que me prende a atenção nem é sequer o traseiro da jovem brasileira mas sim o franzir de sobrolho maroto de Sarkozy.

Anúncios
Uma história de olhares