Vamos ter saudades de Mr. Magoo

Aristocrata, relativamente rico, Mr. Magoo tinha um problema: via muito, muito mal. Vítima de miopia profunda, esta limitação não era, no entanto, impeditiva para um coração generoso, apesar de muitas vezes ser politicamente incorrecto. Uma imensa sorte ajudava-o nos momentos difíceis e livrava-o de problemas que, na maior parte das vezes, nem sabia que existiam.

Um homem que, por certo, teria arte, engenho e sorte para passar incólume pela ‘tempestade’ que afecta este nosso mundo. É que o mundo de Magoo era outro. Vivia nos traços dos seus desenhadores, como fruto da inspiração do escritor e guionista Millard Kaufman. O criador morreu, soube-se ontem, em Los Angeles aos 92 anos, vítima de paragem cardíaca. A morte ocorreu no sábado.

Mr. Magoo não é uma personagem destes dias. Pode, pois, nem resistir à morte do seu ‘pai’. Na pior das hipóteses resta-nos o que ficou.

Anúncios
Vamos ter saudades de Mr. Magoo